segunda-feira, 8 de outubro de 2012

POR QUE JULGAS?


- LEITURA BÍBLICA -

"Tu, porém, por que julgas teu irmãos? E tu, por que desprezas o teu? Pois todos compareceremos perante o tribunal de Deus" (Rm. 14.10).

A realidade do senhorio de Jesus Cristo sobre todos tem consequências práticas para a ação crente. Primeiro, é que se Jesus é o Senhor, ninguém pode exercer julgamento sobre o outro sem usurpar o lugar de Cristo. Apenas Jesus, por sua morte e ressurreição, tem o direito e autoridade de exercer julgamento sobre as pessoas. Segundo, aquele que exerce julgamento não atenta para o fato de que todos são réus e estarão perante o tribunal de Deus. Juiz é somente um - Deus. Advogado também - Jesus. E acusador um só - o diabo. Não devemos considerar que a forma como eu combato o erro no outro me coloca em condição de juiz. Ou o modo como combato o erro me garantirá algumas vantagens. Existe apenas um jeito de prevalecer diante do julgamento: tendo Jesus como advogado e mediador. Todo cuidado devemos ter. Ao aplicar a espada da justiça, devemos lembrar que ela será colocada sobre a nossa cabeça também. Com o mesma medida que medimos, seremos medidos!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Deus seja sua vitória!

Creia em Jesus Cristo

Visualizações