segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

O PROCEDER NA CASA DE DEUS

DEVOCIONAIS DE VITÓRIA
(22-28/01/17)

“Escrevo-te estas coisas, esperando ir ver-te em breve; para que, se eu tardar fiques ciente de como se deve proceder na casa de Deus, que é a Igreja do Deus vivo, coluna e baluarte da verdade” (1ª Timóteo 3.14-15).


Não tem como ler esse texto paulino sem trazer à memória o evento da expulsão dos vendedores do templo por Jesus (Mt. 21.12-13). O procedimento dos campistas e vendedores com condizia com o objetivo do templo: ser casa de oração e não covil de salteadores. Jesus alerta para o fato de que é possível transformar a sua casa (o templo dedicado ao culto a Deus) e a aliená-la de sua função. Que terrível perigo e sacrilégio! Não é por acaso que, a essa violação, o Senhor se impôs com severa intervenção. Não se pode, a exemplo do Senhor Jesus, ser passivo diante de tal comportamento na casa do Senhor! Paulo escreve a Timóteo e ressalta sua intenção de repassar pessoalmente, mas adianta o assunto na carta, sobre a ética necessária para o devidamente estar na casa de Deus. Nota-se que Paulo não estabelece a casa de Deus como um espaço físico em si, mas como o ajuntamento dos eleitos em Cristo: a igreja. De forma que quando os crentes se reúnem ou onde eles estiverem em sua condição de igreja sejam assumida postura que não agrediam sua condição de discípulos de Cristo e adoradores do Deus vivo. Dada a orientação de Paulo, é possível considerar algumas verdades. Primeira, é que o procedimento do cristão na igreja e como igreja deve ser algo dado a conhecer. Paulo faz Timóteo ter ciência e o instrui a tornar público esse conhecimento. A liderança da igreja deve atentar para que todos tenham ciência de como deve proceder na casa de Deus. Segunda, é que se existe um procedimento não se pode pensar que a casa de Deus é espaço para a filosofia do venha como vier e fique como estar. Terceira, é que sendo a casa do Deus vivo, ela é lugar de reverência e relacionamento. E, por último, sendo lugar de coluna e baluarte da verdade, não pode ser covil de mentiras, mas de adoração em espírito e em verdade como convém a todos aqueles que Deus procura para serem seus adoradores (Jo. 4.23-24). Estar na casa de Deus e ser casa do Senhor requer postura ética e comportamental que inclui decência, ordem e sinceridade de coração. Seja o Senhor Deus sua vitória nessa semana!

* * *
"Estar na casa de Deus e ser casa do Senhor requer postura ética e comportamental que inclui decência, ordem e sinceridade de coração"

* * *

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Deus seja sua vitória!

Creia em Jesus Cristo

Visualizações